Idioma español English Português

Gel Finasteride. Versão tópica da droga.

Desde 1992, quando foi autorizado é o uso da Finasteride para o tratamento de BPH (hiperplasia Protática benigna), passando por 1996 quando regulamentado e aprovado o seu uso para o tratamento da calvície masculina e mais especificamente para a alopecia androgênico, temos Venha a sua versão tópica (uso externo) em forma de gel. Novamente para casos de alopecia tipo androgênico ou alopecia, os tipos mais comuns de calvície masculina.

Houve pouca controvérsia sobre a eficácia do gel Finasteride, tendo conduzido numerosos estudos, alguns mais e menos relevantes.

O objetivo principal de usar este medicamento tópica é minimizar os efeitos colaterais abundantes apresentados na versão pílula, mas para tirar proveito dos benefícios para o tratamento da alopecia androgênico.

Neste artigo sobre a finasterida gel resumiremos dois estudos de entidades reconhecidas sobre a eficácia do gel finasteride.

 

Estudos científicos sobre o gel de Finasteride

O primeiro e mais atual estudo a ser relatado datas de 2018, publicado em 23 de julho e desenvolvido por Ahmed OAA e Rizg-BA, ambos pertencentes ao departamento de farmácia da faculdade de farmácia da Universidade King Abdul na Arábia Saudita.

Referência: https://doi.org/10.2147/DDDT.S171888

Este estudo, referido como "Finasteride nano-transferosomal gel formula for management of androgenetic alopecia" ou "gel nano-transoomeral de Finasterida para o tratamento da alopecia androgênico" foi destinado a verificar a eficácia da finasterida em Aplicação tópica gel no tratamento da alopecia androgênico.

A peculiaridade deste estudo é que tem sido feito com um "sub-tipo" de Finasterida usando transferosomas, que permite uma maior e melhor ação do medicamento aplicado através da pele (transdérmica ou tópica).

Os resultados mostram que o uso da finasterida nano-transferosomal gel pode ser uma alternativa válida para o tratamento da alopecia androgênico em vez de sua apresentação clássica a forma de pílulas orais.

Este "sub-tipo" de Finasterida em gel ainda está sendo testado e no momento nenhuma marca comercial é conhecida por estar disponível para venda até a autorização.

finasteride gel

O segundo estudo que oferecemos datas de 2009 chamado "Comparing the therapeutic effects of finasteride gel and tablet in treatment of the androgenetic alopecia" e desenvolvido por Hajheydari e Shokoohi Leila Layla do departamento de Dermatologia, Boo Ali Sina (Avicena ) Hospital, Universidade Mazandaran de ciências médicas, Sari, Irã, e Jafar Akbari e Majid Saeedi do departamento de Pharmaceutics, faculdade de farmácia, Universidade Mazandaran de ciências médicas, Sari, Irã.

Referência: https://doi.org/10.4103/0378-6323.45220

No mesmo, destina-se a comparar os efeitos terapêuticos da finasterida gel versus finasterida em pílulas para o tratamento da alopecia androgênico.

Para o estudo foi administrado a um grupo de pacientes finasterida em comprimidos de 1mg. e outro grupo a 1% de gel finasterida por 6 meses.

Os resultados do mesmo foram que a eficácia da versão tópica da finasterida e a versão clássica em tabletes eram muito semelhantes com uma variação estatística inestimável entre os dois grupos.


Saiba mais sobre Finasteride.

 


Fecha de publicación: 10 - 10 - 2018

Última modificación: 10 - 10 - 2018

Autor: Miguel T. R.